Peladão invade unidade policial, agride policiais e acaba morto a tiros no local

Peladão enganou de local
Se dizendo um dos cavaleiros do apocalipse e afirmando que Jesus está voltando, um homem nu, ainda não identificado, invadiu o Caeap (Centro de Altos Estudos e Aperfeiçoamento) da Polícia Militar, em Taguatinga/DF por volta das 21h00 de quinta-feira, 23, e acabou morto a tiros.

Ao constatar que não era nenhum artista em performance, o policial que fazia a sentinela solicitou reforço. O peladão, que estava transtornado, tentou pegar a arma do militar e entraram em luta corporal. O homem continuou mesmo depois da tonfa (uma espécie de cassetete) e gás de pimenta.

Como o peladão estava dominando a luta com dois militares, foi preciso disparar contra seu ombro na tentativa de contê-lo. Como nem assim o doidão, que parecia estar com o diabo no corpo não se rendia, outros tiros foram disparados e ele morreu no local.

Como o indivíduo estava totalmente pelado, os policiais não tiveram como descobrir a sua identidade. Sabe-se, apenas, que o peladão estava fora de si, proferindo palavras de religião, afirmando que era representante de Cristo e que ali estava para purificar aqueles que oprimem o povo.


Comentários