Amigo mata o outro para não ficar desmoralizado depois de levar tapa na cara

O c rime surpreendeu os moradores de Queimadas

Dois amigos bebiam em um bar na zona rural de Queimadas/PB, quando iniciaram uma discussão que acabou em morte. O fato aconteceu por volta das 17h30m de terça-feira, 10, quando José Ribeiro da Silva, 60 anos, desferiu 10 golpes de faca no agricultor Fábio Roberto Barbosa, 37 anos.

José Ribeiro e Fábio Roberto eram amigos de longa data e trabalhavam juntos em uma propriedade de criação de gados no Município. Naquele dia, como sempre ocorria, saíram juntos para tomar umas birinaites no boteco mais próximo, mas tiveram um desentendimento e começaram discutir.

De acordo com policiais militares que estiveram no local, em dado momento Fábio acertou um tapa no rosto de José Ribeiro, que nada satisfeito com a agressão, disse que em “cara de homem não se bate” e partiu para cima do amigo, acertando-lhe 10 facadas distribuídas pelo peito e pescoço.

Fábio foi socorrido ao Hospital Geral de Queimadas, mas morreu ao dar entrada. Quanto a José Ribeiro, ele foi preso em flagrante e levado para a Delegacia de Polícia. Ele confirmou o crime e disse que só matou o amigo “para não ficar desmoralizado depois de ter apanhado na cara”.


Comentários